Pinheiros é palco da festa do NBB Caixa para temporada 2019/20

Clube azul e preto recebeu equipes de todo o Brasil na cerimônia de lançamento do maior campeonato nacional de basquete  

O Ginásio Poliesportivo Henrique Villaboim, cenário tradicional das principais disputas do Esporte Clube Pinheiros em várias modalidades, recebeu nesta segunda-feira (07) a cerimônia de lançamento do NBB (Novo Basquete Brasil) Caixa 2019/20. A competição criada em 2008 chega à 12ª edição reunindo 16 equipes da elite nacional.

Representantes de todos os times compareceram ao Pinheiros, transformando a quadra do Poliesportivo em um salão de festas repleto de estrelas que irão brilhar por seus times ao longo da competição.  A novidade da temporada é a transmissão ao vivo de 100% dos jogos, dividida entre a tevê (Band, Fox Sports e ESPN), e a internet, com streaming no Facebook, Twitter e pela nova plataforma Dazn.

O diretor de Esportes Olímpicos e Formação, Arnaldo Queiroz, recebeu os convidados com a rotineira cordialidade pinheirense. “A Liga (LNB) é feita pelos clubes e para os clubes, nada mais adequado do que participarmos das comemorações e dos eventos, além de sediarmos os jogos. Minha expectativa é de que teremos o NBB mais forte de todos os tempos. Por isso montamos um time competitivo”, comentou Queiroz.

O técnico Cesar Guidetti compartilhou o sentimento do diretor pinheirense. “É motivo de orgulho receber a festa de lançamento da Liga no Pinheiros. Comprova a força do clube não apenas no basquete, mas nos esportes olímpicos. A transmissão de 100% dos jogos mostra o crescimento anual do campeonato”, considerou o treinador pinheirense.

A tecnologia também foi aprimorada para se preservar a qualidade das partidas e a credibilidade da arbitragem. “O novo recurso, ‘instant replay’, será muito útil para nós da área técnica. Poderá esclarecer lances como, falta comum ou antidesportiva, cesta de dois ou três pontos e até se a bola caiu antes de o cronômetro zerar”, elogiou Guidetti.

Eficiência na formação – O NBB Caixa 2019/20 será também, a realização profissional para os jovens atletas pinheirenses recém-chegados do time campeão há dez dias na LDB – Liga de Desenvolvimento do Basquete.  “É uma satisfação disputar o melhor campeonato do Brasil.  Estamos embalados pelo título da LDB. Lutamos por uma vaga no time principal a temporada toda e agora chegou o momento de mostrarmos que merecemos esse espaço”, afirmou o ala João Marcelo, o Mãozinha, MVP na final da LDB.

Além de Mãozinha, o Pinheiros terá como novidades, Buffat e Alê Ludwig, campeões da LDB ao lado de Gabriel Santos, que já havia recebido algumas oportunidades de Guidetti na edição anterior do NBB. O campeonato começará em 12 de outubro, com o Minas Tênis recebendo o atual campeão, Flamengo. O Pinheiros estreará no dia 21, contra Franca no Poliesportivo. Antes do NBB, o time azul e preto jogará na Argentina pela Liga Sul-Americana em 15, 16 e 17/10 contra Malvin (URU), Leones de Quilpue (CHI) e Olímpico (ARG).

Com duas equipes a mais em relação à última temporada, disputam esta edição do NBB: Pinheiros, Ceará, Bauru, Botafogo, Brasília, Corinthians, Flamengo, Minas Tênis, Mogi das Cruzes, Paulistano, Pato Branco (PR), Rio Claro, São José dos Campos, São Paulo, Franca e Unifacisa (PB). O Pinheiros chegou duas vezes ao pódio, conquistando as medalhas de bronze em 2011 e 2012.

 

Campeões do NBB Caixa 

2009 – Flamengo

2010 – Brasília

2011 – Brasília

2012 – Brasília

2013 –  Flamengo

2014 – Flamengo

2015 – Flamengo

2016 – Flamengo

2017 – Bauru

2018 – Paulistano

2019 – Flamengo