Outubro Rosa – Entre nessa campanha

Realizada no mundo inteiro, a campanha do Outubro Rosa tem como objetivo compartilhar informações sobre o câncer de mama, promover a conscientização sobre a doença, proporcionar maior acesso aos serviços de diagnóstico e de tratamento e contribuir para a redução da mortalidade.

Veja algumas informações sobre o câncer de mama e entre nessa campanha. Não deixe também de participar do evento especial de Outubro Rosa, no dia 28 de outubro, na Alameda das Araras.

Como prevenir o câncer de mama
Cerca de 30% dos casos da doença podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis como:

– Praticar atividade física regularmente
– Alimentar-se de forma saudável
– Manter o peso corporal adequado
– Evitar o consumo de bebidas alcoólicas
– Amamentar

 

Principais causas do câncer de mama
– Obesidade e sobrepeso após a menopausa
– Sedentarismo
– Consumo de bebida alcoólica
– Exposição frequente a radiações ionizantes (Raios-X)
– Primeira menstruação antes de 12 anos
– Não ter tido filhos
– Primeira gravidez após os 30 anos
– Não ter amamentado
– Parar de menstruar (menopausa) após os 55 anos
– Uso de contraceptivos hormonais (estrogênio-progesterona)
– Ter feito reposição hormonal pós-menopausa, principalmente por mais de cinco anos
– História familiar de câncer de ovário
– Casos de câncer de mama na família, principalmente antes dos 50 anos
– Alteração genética, especialmente nos genes BRCA1 e BRCA2

Atenção: a presença de um ou mais desses fatores de risco não significa que a mulher terá a doença. Consulte sempre seu médico!

 

 

Sinais e sintomas
É importante que as mulheres observem suas mamas, no banho, no momento da troca de roupa ou em outra situação do cotidiano, verificando possíveis alterações mamárias. Os principais sinais da doença são:

– Caroço (nódulo) fixo, endurecido e, geralmente, indolor
– Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja
– Alterações no bico do peito (mamilo)
– Pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço
– Saída espontânea de líquido dos mamilos

Caso encontre algum desses sinais, procure um serviço médico para devida avaliação diagnóstica.

 

Importância da detecção precoce

O câncer de mama pode ser detectado em fases iniciais, em grande parte dos casos, aumentando assim as chances de tratamento e cura. Todas as mulheres, independentemente da idade, podem conhecer seu corpo para saber o que é e o que não é normal em suas mamas.

Além de estar atenta ao próprio corpo, também é recomendado que mulheres de 50 a 69 anos façam uma mamografia de rastreamento (quando não há sinais nem sintomas) a cada dois anos. Esse exame pode ajudar a identificar o câncer antes do surgimento dos sintomas.

Mamografia é uma radiografia das mamas feita por um equipamento de raios X chamado mamógrafo, capaz de identificar alterações suspeitas.

Mulheres com risco elevado para câncer de mama devem conversar com seu médico para avaliação do risco para decidir a conduta a ser adotada.