fbpx

Pinheiros classifica mais dois atletas para o Mundial no penúltimo dia de Maria Lenk

Caminhando para o final do campeonato, o Clube deve confirmar o maior número de atletas que vão compor as seleções do Pan e Mundial

Rio de Janeiro (RJ) – Faltando apenas mais uma etapa para finalizar o principal campeonato nacional de natação, que este ano também é seletiva para a formação das seleções de importantes competições do calendário internacional, o Pinheiros vai se firmando como o Clube que provavelmente terá o mais número de representantes. Nas finais realizadas neste sábado (20), a prova dos 200m medley masculino formou um pódio 100% pinheirense com dois atletas garantindo também a vaga para o Mundial.

Caio Pumputis, que na quarta-feira (16) já havia medalhado nos 200m peito, conquistou desta vez o ouro nos 200m medley. E com o tempo de 1:57.70, ficou com a primeira vaga da prova para o Mundial. Tendo acompanhado de perto atletas mais velhos que disputavam a mesma prova, ele que faz parte da nova geração, comemora o fato de também ter conquistado o seu espaço.

“Na seletiva de 2016 a briga foi entre o Henrique Rodrigues e o Thiago Pereira, que fizeram o 1:57’ empatando na prova. E eu assistir aquilo de perto, estava na série e fiz 2:04’, muito longe de baixar “7” segundos. E agora estar assim perto do tempo dos caras, acho que é uma satisfação grande”, relembra Pumputis.

A segunda vaga dos 200m medley para o Mundial ficou com Leonardo Santos, que também já havia medalhado na competição, ficando com a prata nos 400m medley e fazendo também a sua melhor marca. Mas com este resultado dos 200m, o atleta pode comemorar ainda mais por ter conseguido a sua terceira seleção consecutiva.

“Eu sabia que a prova ia ser difícil, mas queria muito estar neste Mundial. Ele será uma prévia da Olímpiada daqui há um ano, então com certeza eu visei este índice e fui com tudo para ele. Não fiz a melhor prova, mas estar indo para mais uma seleção, terceira seguida, me deixa muito feliz”, comemora Leonardo.

Completando o pódio dos 200m medley, Gabriel Ogawa ficou com o bronze, também nadando na casa dos 1:59’. Na versão feminina da prova Florência Perotti ficou com a prata. Nos 50m borboleta foram três pratas, uma no masculino e duas no feminino. Pois assim como a dobradinha de ouro na sexta (19) com João Gomes Jr. e Felipe Lima, Giovanna Diamante e Luanna de Oliveira também bateram ao mesmo tempo, com 26s65, fazendo desta vez a dobradinha de prata. Já nos 50m costas, no feminino a argentina Delfina brilhou mais uma vez, conquistando sua quinta medalha na competição (a terceira de ouro) e no masculino, a dupla de “Guilherme’s”, Guido e Basseto conquistaram o ouro e a prata. Guido que faz parte do time de veteranos do grupo, com mais este resultado, chegou a 18 títulos em Maria Lenk.

“Eu acho que isso é um exemplo do quanto a experiência pode contribuir para o seu resultado. Eu conheci o meu corpo recentemente. Em função de eu ter feito várias temporadas diferentes, em cada uma delas eu tento aplicar uma coisa diferente e isso me fez ir conhecendo melhor o meu corpo, fui vendo como ele ia reagindo. Acredito que difícil não é chegar e sim você se manter no topo, este é o maior desafio e eu fico feliz por ter conseguido manter e chegar a estes 18 títulos”, explica Guido.

No último dia de competição serão definidas as seleções para Mundial e o Pan e Guido e outros atletas do Pinheiros devem atender os critérios de convocação para compor a equipe.

“Acredito que para os 100m costas, que é o meu principal objetivo, por ser prova olímpica, estou mais treinado, só preciso ajustar para nadar 52’. Já nadei quase 50 vezes parar ’53, então o objetivo agora é o ’52. O objetivo deste ano era pegar a seleção, tanto para o Pan-americano, quanto para o Mundial e como já estamos caminhando para o último dia de competição, acredito que vai dar para as duas seleções. Agora é continuar treinando e quem sabe ir em busca da minha terceira olímpiada no ano que vem, completa o veterano.

Confira os resultados do Pinheiros neste 5ª dia de competição:

200m Medley Feminino

Florência Perotti (2:15.37) – Prata

 

200m Medley Masculino

Caio Rodrigues Pumputis (1:57.70) – Ouro

Leonardo Coelho Santos (1:59.56) – Prata

Gabriel Maruyama Ogawa (1:59.92) – Bronze

 

50m Borboleta Feminino

Luanna Nunes Martins de Oliveira (26.65) – Prata

Giovanna Tomanik Diamante (26.65) – Prata

 

50m Borboleta Masculino

Gabriel Silva Santos (23.43) – Prata

 

50m Costas Masculino

Guilherme Augusto Guido (24.94) – Ouro

Guilherme Dias Massê Basseto (24.99) – Prata

 

400m Livre Feminino

Delfina Narella Pignatiello (4:09.22) – Ouro

 

A competição acaba neste domingo (21) com as disputas das últimas provas: 400m livre masculino, 50m livre feminino e masculino, 200m costas feminino e masculino, 50m peito feminino e masculino e os revezamentos 4x100m medley. Lembrando que as eliminatórias são realizadas na parte da manhã, a partir 9h30 e as finais à tarde, a partir das 18h.

Crédito da Foto: Ricardo Bufolin / ECP