Em um mundo cada vez mais tecnológico, com celular e computador presentes no dia a dia das crianças, a prática de esportes ganha ainda mais importância. O Pinheiros é o lugar ideal para desconectar os pequenos do universo virtual, oferecendo modalidades para as mais diversas fases da infância. Aprender esportes, por meio da brincadeira e de maneira lúdica, ajuda a criançada no desenvolvimento da coordenação motora, na socialização, no condicionamento físico e, também, é forte aliado para que avance nos estudos.

A criança esportista se desenvolve em diversas áreas. “Há fatores psicossociais envolvidos, como Os associados Luigi Serine e Lana Moreira escolheram a Ginástica Artística como atividade 27 rotina, respeito, prazer e interesse próprio, desenvolvimento da atenção, da concentração e da criatividade para resolução de problemas”, afirma Ana Célia Osso, educadora física e coordenadora do CAD (Centro de Aprendizagem Desportiva).

CAD – PROJETO PARA OS PEQUENOS

O Centro de Aprendizado Desportivo é um dos projetos mais admirados do Clube e tem como objetivo apresentar, para crianças de 3 a 11 anos, 12 modalidades. No CAD, as crianças conhecem as modalidades, entram em contato com cada esporte e depois optam pelo que mais lhes interessa, que mais gostam ou por aquela atividade em que se sentem com mais habilidade, orientadas por profissionais de cada área. Criado em 1972, o CAD atende 650 crianças associadas, divididas em diversas turmas. No fim do processo, os profissionais do CAD indicam, aos pais, em qual modalidade a criança deve ser matriculada.

419A8185

GUIA ESPORTIVO

Separamos por faixa etária, as modalidades apropriadas para os pequenos pinheirenses:

De 3 a 6 anos
Nesta fase, é importante que as atividades sejam lúdicas, inseridas na vida das crianças como uma brincadeira, para estimular o desenvolvimento motor, a respiração e a disciplina.
Modalidades: CAD (GYM 1), Futebol (Sub-5), Ginástica Artística (Iniciante), Judô (Iniciação I e II), Karatê (Escolinha I e Infantil) , Natação (Escolinha Kinder), Tae Kwon Do (Infantil) e Tênis (Escolinha).

A partir dos 7 anos
Já é possível mostrar um pouco mais de cada modalidade, pois o sistema neuropsicomotor está mais desenvolvido, o que possibilita o aprendizado de movimentos mais elaborados.
Modalidades: Basquete (Escolinha), Capoeira e Saltos Ornamentais (Iniciação).

A partir dos 8 anos
Aprofundamento das modalidades, pois, a partir dessa fase, a criança já pode participar de competições, aprendendo a lidar com vitórias e derrotas.
Modalidades: Esgrima (Infantil) e Xadrez.

A partir dos 11 anos
A criança pode seguir no esporte de maior interesse, aumentando a intensidade dos treinos e da carga horária, se for da sua vontade.
Modalidade: A criança escolhe qual esporte quer praticar.

Fotos: Reinaldo Vieira Ortlieb