Emocionante do início ao fim. Assim foram os 60 minutos da decisão do título da temporada 2016 da Liga Nacional Masculina de Handebol entre duas das maiores equipes da modalidade no Brasil. Taubaté/FAB/Unitau (SP) e Esporte Clube Pinheiros (SP) se enfrentaram no Ginásio Poliesportivo Adib Moysés Dib, em São Bernardo do Campo (SP), neste domingo (11), e fecharam com chave de ouro a competição, que contou com um novo formato em 2016, já que reuniu todas as regiões do Brasil.

Os paulistas reeditaram a final das duas últimas edições da Liga Nacional. Em 2014, a vantagem foi do Taubaté (SP). Já em 2015, do Pinheiros (SP). Em 2016, mais uma vez se encontraram na disputa pelo título. A equipe da capital abriu o placar e ficou à frente durante praticamente todo o primeiro tempo, quando o time do interior virou e fechou em 11 a 10. Na segunda etapa, pouco a pouco, Taubaté (SP) foi abrindo vantagem e encerrou com a diferença de seis gols: 26 a 20.

Com a medalha de prata no peito, Marcos Paulo, o Marcão, foi eleito o melhor goleiro da Liga Nacional. Aos 40 anos e sempre se destacando, o atleta disse que o mais importante para ele é poder ajudar a equipe. “Eu fico grato por poder contribuir com o grupo até hoje e curtir o momento. Trabalhamos bastante e fico feliz por ajudar. O nosso esporte é coletivo, dependemos muito uns dos outros, por isso, essa é uma conquista de todos. São meninos novos, que têm muito pela frente, que se entregam a entender e assimilar o trabalho passado pelo nosso técnico”, frisou.

Ainda pelo Pinheiros (SP), o central Leonardo Dutra foi escolhido com o melhor atleta da competição. “O nosso objetivo era a forte preparação para essa final. Infelizmente não veio a vitória, mas me sinto honrado por ter conquistado o título de melhor atleta. Isso foi uma felicidade enorme”, garantiu.

Parabéns a todos que fizeram parte desse título:

Atletas: Léo Dutra, Gui Leonel, Gabriel Sanchez, Arthur Peão, Leozinho, Vitinho, Murillo, Rudolph, Felipe Carbone, Marcão, João Perbelini, Zé Azevedo, Breno Vilhena, Julian Cueto, Rodrigo, Estevão. Comissão Técnica: Sergio Hortelan, Alex Aprile, Bruno Diniz e Claudio Machado.