Com equipe formada em casa, Pinheiros conquista hexacampeonato brasileiros de ginástica artística

Técnicos reforçam que o trabalho realizado com as “pratas da casa”, preparando e mantendo seus atletas ciclo após ciclo, é o segredo para manter tantos títulos consecutivos

Praia Grande (SP) – O Esporte Clube Pinheiros encerrou neste domingo (18) mais uma bela campanha com a sua equipe de ginástica artística, conquistando o título de hexacampeão brasileiro. O Campeonato Brasileiro CAIXA de Ginástica Artística reuniu atletas de várias partes do país, tanto das categorias adultas, quanto infantis, que disputaram resultados no individual geral e o título nacional para suas respectivas equipes.

O Pinheiros voltou para casa com dois campeões do individual geral: no infantil (Sub-14) e no adulto masculino, além de um segundo lugar no Sub-14 e um terceiro lugar no Sub-12. No sábado a equipe infantil masculina já havia conquistado o tetracampeonato e para fechar com chave de ouro neste domingo foi a vez da equipe adulta também conquistar seu sexto título. A competição também marcou a estreia de muitas meninas do infantil que pela primeira vez disputaram um campeonato deste porte e voltaram para casa com ainda mais experiência na bagagem, tendo ficado com o quarto lugar entre as equipes. No adulto o Clube não participou da disputa por equipe, mas Beatriz Lima competiu no individual geral e encerro com oitava colocação.

Supervisor técnico da ginástica artística do Pinheiros, Raimundo Blanco, que tem uma vida inteira dedicada a modalidade e já atua no Clube há anos, comemorou o resultado.

“É o trabalho de muitos anos que vem se concretizando, e vem fixando que o nosso modelo de trabalho vem dando certo. E nós vamos continuar trabalhando para melhorar ainda mais este modelo, porque ninguém faz nada sozinho, existe todo um trabalho de equipe. Os treinadores estão de parabéns e a gente só dá aquele empurrãozinho, para que a coisa aconteça, nós viemos fazendo isso já há um tempo e tem dado certo”

Técnico da equipe adulta masculina, Hilton Dichelli, o Batata, também destacou a força do grupo e o quanto a dedicação de todos os atletas que fizeram parte da equipe foi fundamental para atingir o resultado.

“Eu resumo tudo isso em atitude. Os meninos mantiveram atitude do começo ao fim, trabalharam como uma equipe coesa, um ajudando o outro a todo momento. Eu acho que os meninos pouparam os que chegaram do Pan e os do Pan se entregaram na final e a gente teve a força da casa. Nossos meninos são prata da casa, que nasceram com a gente, trabalharam desde pequenininho e mostraram um ótimo trabalho. Nós mostramos que o Pinheiros tem uma equipe muito forte e junto chegamos mais longe. Se fosse para resumir em uma palavra, eu diria “família””.

Também à frente da equipe adulta, o técnico Cristiano Albino, reforça a importância de se traçar uma estratégia para que o Clube alcance seus objetivos e se mantem no alto nível.

“Esta competição é muito tensa, muito difícil e depois do último brasileiro nós adotamos algumas estratégias, planos de ação. Sabíamos que teríamos esta competição, sabíamos que teríamos o Pan, com dois atletas voltando dele, então foi muito bem planejado. A comunicação foi fundamental, o trabalho em conjunto da comissão técnica e multidisciplinar, foram peças chaves para chegar neste resultado. A gente sabe que é difícil conseguir chegara a primeira vez, só que para você se manter ano após ano no alto do pódio é mais difícil ainda. Queria dar os parabéns principalmente para os meninos que ficaram em casa trabalhando e são peças fundamentais, sem eles a gente não teria conseguido. Nós nuca podemos nos acomodar e agora vamos rumo ao hepta”

Confira os resultados do Pinheiros na competição:

 

MASCULINO

 

Individual Geral (Sub-12)

Eduardo Belli – Bronze

 

Individual Geral (Sub-14)

João Victor Perdigão – Ouro

Guilherme Augusto Silva – Prata

 

Individual Geral (Adulto)

Francisco Barreto Jr. – Ouro

 

Por Equipe – Infantil

Tetracampeões (518.350 pontos) – Ouro

 

Por Equipe – Adulto

Hexacampeões (242.100 pontos) – Ouro

 

FEMININO

 

Individual Geral (Infantil)

Júlia Aparecida Bastidas da Silva – 4º Lugar

 

Individual Geral (Adulto)

Beatriz Lima – 8º Lugar

 

Por Equipe – Infantil

4º Lugar